Estudo mostra o comportamento dos consumidores adolescentes

Quando se trata de compras on-line, os usuários adolescentes são uma contradição: A maioria dos adolescentes não têm o seu próprio cartão de crédito, ainda que goste de fazer compras online. (O que simplesmente prova que eles têm acesso a cartões de seus pais).Cerca de 80 por cento dos adolescentes online na faixa etária de 12-17 visitam sites de varejo, de acordo com a ComScore. Isso representa uma audiência de 12 a 15 milhões de compradores teen. Por exemplo, eBay teve 6.400.000 usuários teen em abril de 2006, enquanto a Amazônia teve 3500000 e Apple 3 milhões. (No caso da Apple, o iTunes foi seguramente o empate.)

Outro paradoxo sobre teens online, ou talvez seja melhor descrito como um mito: Adolescentes não são os usuários de super tech-savvy como popularmente se pensa ser.

Segundo a concepção popular, os adolescentes são muito mais hábeis no uso da Internet que os usuários adultos. Temos uma imagem totalmente ligada em mensagens, ao cruzar MySpace, baixar filmes ouvindo seu iPod.

Mas estar constantemente conectado não significa que os adolescentes são assistentes de tecnologia, afirma um estudo da Nielsen Norman Group. Embora alguns adolescentes são tech sabe-tudo, eles são exceção, diz Hoa Loranger, um dos autores do relatório.

Para ter certeza, os adolescentes são muito mais confortáveis com a tecnologia – não tem medo tanto quanto os adultos parecem ter.
Mas se algo não funciona para um usuário adolescente, ” eles tem muito menos paciência, e é por isso que não pode superar muitos obstáculos tecnológicos. Se não funcionar da maneira que eles esperam, simplesmente abandonam o processo. “

Além disso, as competências de investigação dos adolescentes e da leitura ainda não amadureceram, diz ela.

Devido a esses fatores, os adolescentes com êxito nas tarefas on-line são menos frequente (taxa de sucesso de 55 por cento) do que os usuários adultos (66 por cento de sucesso), com base no estudo da Nielsen.

No entanto, por mais difícil que seja para atingir esses consumidores volúveis, que representam um mercado potencialmente lucrativo. Um estudo do Pew no final de 2004 estimou o total de audiência online teen, com idade entre 12 e 17 anos, em 21 milhões de euros. Esta primeira geração de usuários tem crescido desde a infância na era da Internet será certamente consumidores online ativa nos próximos anos.

Fonte: Administradores

Felipe Rodrigues da Silva

Consultor em E-commerce, sócio fundador da ZIO Soluções em Internet, com mais de 15 anos de experiência nas áreas de Internet, TI e Desenvolvimento de Software. E atuou na área de TI, em grandes empresas como Terra Networks, Grupo RBS, Unisinos e outras, hoje atuando como Consultor de E-commerce nos mais diversos segmentos.

Search