Sindilojas: e-commerce é fundamental

O presidente do Sindicato dos Lojistas de Porto Alegre (Sindilojas), Ronaldo Sielichow, está otimista quanto ao comércio eletrônico.

Recentemente, o diretor esteve no evento NRF, em Nova York (Estados Unidos), onde pode conferir tendências do varejo eletrônico.

Segundo Sielichow, os gaúchos estão atentos ao segmento.

“O comércio eletrônico cresce muito e aqui (no estado) não é diferente. Lojistas que não ingressarem nesse segmento estarão à margem do mercado, pois é uma maneira de incrementar as vendas e atender às necessidades dos clientes”, declarou, segundo o jornal Correio do Povo.

As vendas por meio da Internet devem permanecer aquecidas ao longo deste ano. As boas projeções levam em conta os negócios registrados em 2010, sobretudo no período que antecedeu o Natal, entre os dias 15 de novembro e 24 de dezembro.

Nesse período, as vendas cresceram 40% no país em relação ao mesmo intervalo de 2010, segundo a empresa de monitoramento de comércio eletrônico e-bit.

A receita bruta dos sites de comércio eletrônico neste período, puxada pelas vendas de bens de consumo para o Natal, totalizou R$ 2,2 bilhões.

A categoria de eletrodomésticos liderou o volume de pedidos no fim do ano, seguida por informática, saúde, beleza e medicamentos, livros e eletrônicos. O valor médio dos pedidos feitos pela Internet ficou em R$ 370.

Fonte: Baguete

Felipe Rodrigues da Silva

Consultor em E-commerce, sócio fundador da ZIO Soluções em Internet, com mais de 15 anos de experiência nas áreas de Internet, TI e Desenvolvimento de Software. E atuou na área de TI, em grandes empresas como Terra Networks, Grupo RBS, Unisinos e outras, hoje atuando como Consultor de E-commerce nos mais diversos segmentos.

Search