Porque medir a margem de lucro do seu e-commerce ? – KPI.3

Kpi3 Lucro 3

Olá pessoal, este é o terceiro post sobre os principais KPIs do seu e-commerce e hoje sobre a margem de lucro do seu e-commerce, caso tenha dúvidas sobre o que são os KPIs leia o post Quais os principais KPIs ou Indicadores de Desempenho medir em seu e-commerce para ficar por dentro do assunto.

O e-commerce tem um crescimento incrível no Brasil e surgem diversas empresas com soluções fantásticas para auxiliar nas vendas, mas todas querem uma parte do seu lucro.

Meios de pagamento, marketplaces, comparadores de preço, soluções em automação, agregadores, nossa a lista é grande e todos lhe oferecem ótimas soluções mediante um não tão pequeno percentual (%) sobre o valor da venda. Então você deve saber quais são seus custos fixos e variáveis para entender se o seu e-commerce vale a pena, em resumo planejamento.

Mas então o que fazer ?

É preciso ter uma estratégia, você vai ouvir isso a todo o momento, de diversos especialistas em e-commerce.

Por isso é importante saber o seu lucro e a sua margem de lucro, saber se a sua margem de lucro esta acima ou abaixo da margem de lucro do seu segmento, essas informações você consegue com as entidades de negócios da sua região. Entendendo essa margem de lucro e sabendo se você esta no caminho certo ai você poderá escolher quando irá aplicar essa margem de lucro em algum desses recursos que eu listei acima.

Por exemplo, saberá quais produtos do seu catálogo você irá cadastrar nos marketplaces por exemplo, ou o quanto investir em Adwords para um determinado produto, entendeu ?

Calma se quiser conversar mais a respeito deixe seu comentário ou entre em contato para conversarmos e entendermos melhor sobre o seu segmento e avaliarmos o seu e-commerce.

Segue abaixo um texto extraído de um artigo da Endeavor Brasil, muito importante para entender a diferença entre lucro e margem

Lucro é o valor total que você ganha em cada venda, ou seja, o valor que sobra da venda de cada produto ou serviço depois que você paga todas as contas envolvidas na produção e comercialização do mesmo.

Então, se você vende o par de chinelo a R$15 e tem um custo de R$ 10, seu lucro é de R$ 5. Para saber mais sobre esse conceito e outros relacionados (lucro bruto, líquido, por exemplo), leia este artigo aqui.

Ok, mas e a margem de lucro?

A margem de lucro mede quanto uma empresa ganha em cima de suas vendas, e é um valor embutido no preço. A fórmula para calcular é:

margem de lucro = lucro/receita  x 100

Veja um exemplo:

Lucro: R$5.000,00

Receita total: R$8.000,00

Margem de lucro: 5.000 / 8.000 = 0,63 x 100 = 63%

A margem de lucro será determinada por uma série de fatores, como o mercado, a concorrência e a aceitação do público, portanto, cada empresa terá uma margem de lucro diferente. Por exemplo, caso seu mercado seja altamente competitivo, como o mercado de carne de um frigorífico, você pode escolher espremer sua margem de lucro para ganhar mais com o volume e tirar market share da concorrência.  Por outro lado, caso seu produto ou serviço seja altamente inovador e/ou tenha um mercado pequeno, você pode querer maximizar sua margem de lucro, garantindo a maior lucratividade possível em cada venda e possivelmente abrindo mão de volume.

Para definir a sua margem de lucro ideal, você também precisa avaliar quanto investiu na empresa e o quanto deseja ser remunerado por esse investimento.

Também é possível calcular a margem de lucro de produtos ou serviços individuais a partir de seu preço aplicando a seguinte fórmula:

Margem de lucro do produto ou serviço = Preço – custo individual (todos envolvidos na produção e comercialização)

Nesse caso, é possível que você precise ratear seus custos fixos (de salários, por exemplo) entre os produtos ou serviços para poder calcular seus custos individuais.

Leia mais em Endeavor @ https://endeavor.org.br/margem-de-lucro/

Felipe Rodrigues da Silva

Consultor em E-commerce, sócio fundador da ZIO Soluções em Internet, com mais de 15 anos de experiência nas áreas de Internet, TI e Desenvolvimento de Software. E atuou na área de TI, em grandes empresas como Terra Networks, Grupo RBS, Unisinos e outras, hoje atuando como Consultor de E-commerce nos mais diversos segmentos.

Deixe uma resposta

Search